Seguro saúde é necessário no Canadá?

HEAD_BURO

Na maioria das vezes – SIM!

hea

Bem, vou explicar melhor. Quando você vai com visto de turista, é sempre importante ter um seguro. Se você nunca ouviu falar das contas gigantescas de pessoas que ficaram doentes nas férias sem ter seguro, é bom se informar. A não ser que você nade em dinheiro, não vai querer que aconteça isso com você.

Agora vamos ao importante – se você vai com visto de estudante ou de trabalho, precisa de seguro? Quase sempre sim. Em várias províncias – como em British Columbia – há um período de carência até que você entre no sistema de saúde canadense. Eles recomendam que você faça um seguro por pelo menos três meses, o tempo de vigência do “SUS” do Canadá.

Têm províncias (Ontário e Alberta, se não me engano) onde isso não é necessário. MAS SE INFORME MELHOR com pessoas dessas províncias, ok?

A University of British Columbia já manda automaticamente uma fatura do seguro saúde desses três meses. O valor: C$180. Como eu vou com o meu marido, já solicitei uma extensão para ele também (também é C$180).

Até aí, tudo tranquilo. Mas na verdade, tive uma dor de cabeça bem grande. Infelizmente só dá pra pagar a taxa do seguro da UBC por transferência bancária e digamos que a transição de uma conta corrente brasileira para uma conta de pessoa jurídica no exterior não deu muito certo com o Banco do Brasil… Bem, conto mais detalhes no próximo post. O importante é saber que no fim tudo se “resolveu”.

Por último: Em um post futuro vou falar sobre o sistema de saúde no Canadá. However,  já adianto – quem acha que é de graça em todos lugares está errado. Nós, em British Columbia, vamos ter que pagar mensalmente um valor para o governo canadense. Em breve, mais detalhes.

Por enquanto, that’s all folks!

 

A estafa mental de uma viagem

HEAD_DIAADIA

apagarCada dia que passa é menos um dia para fazer tudo aquilo que precisamos terminar antes de viajar. Não me entenda mal. Não estou torcendo contra o relógio, fico feliz com a proximidade da data de partida. O problema é que nem sempre o nosso corpo responde bem a toda essa expectativa.

Nesses últimos dias tenho trabalhando tanto que não estou nem conseguindo escrever para o blog direito. Achar um tempo para parar as tarefas e vir para cá está bem complicado…

Como eu compartilhei já aqui, meu plano de coisas para fazer até Agosto é bem grande. Isso faz com que meus dias tenham sido muito pesados e minhas noites não tão bem dormidas como deveriam. Para minha úlcera não voltar, retomei meu tratamento estomacal e tento seguir um planejamento para não enlouquecer. Permaneço fazendo minhas listas de coisas para fazer – e elas parecem só crescer e não diminuir.

Há alguns alertas para identificar que estamos com Estafa Mental: problemas gastrointestinais, cardiovasculares, falha de memória, dificuldades para realizar o que você achava fácil, problemas para dormir, se alimentar mal, queda de cabelo… Por aqui, infelizmente eu faço um X ao lado de cada item desses…

Se eu soubesse ao certo o que fazer para não ficar assim, provavelmente eu não estaria com todos estes sintomas. Meu lado racional tenta me acalmar, mas o emocional aqui é quem quase sempre manda.

Por enquanto, peço desculpas pela minha ausência e tento me organizar para conseguir fazer tudo que preciso fazer e diminuir essa ansiedade que devora a minha calma.

Repito os mantras:

  • Ficar nervosa só atrapalha
  • Organização ajuda a manter o foco
  • Se você não dormir direito, não vai produzir direito
  • Comer besteira não ajuda a ficar mais calma
  • Se exercitar é uma ótima válvula de escape

 

Então se você pretende mudar a sua vida em breve, fazer alguma viagem, investir em um novo trabalho, tente ficar calma desde já, para evitar esses sintomas.

Por aqui, seguimos o planejamento e esperamos ansiosamente a normalidade retornar às nossas vidas.

 

Um pouco sobre o Canadá (parte 2 – curiosidade históricas)

HEAD_DIAADIA

No meu último post tentei fazer algo bem didático, falando sobre o território do Canadá e situando socialmente e geograficamente sobre o espaço do país. Aqui eu faço algo um pouco diferente. Trago um apanhado de informações e curiosidades um pouco mais profundas para quem pretende morar no Canadá:

1. Começamos pelo nome. Canadá deriva de “Kanata”, a forma com que nativos Hurons e Iroquois já chamavam o país antes dos Europeus chegarem. Na língua nativa significa algo como “aldeia”. Há quem defenda que o nome Canadá em si é um erro linguístico de Jaques Cartier um explorador Francês que nomeou o país com base no que ouvia (para ele o T era D).

2. Pesquisadores suspeitam que os primeiros habitantes do Canadá (na verdade, de toda a America) tenham vindo da Ásia há 30.000 anos por uma faixa de terra entre a Sibéria e o Alasca. Ds que permaneceram no Canadá, muitos viviam de forma nômade, se dedicanco a caça, pesca e cultivo de algumas plantas que resistiam o clima frio.

3. Com mais de 20% da população nascida fora do Canadá, estudos apontam que mais do que 20% da população, ou seja, cerca de 7 milhões de pessoas, falam um idioma diferente do inglês ou francês em casa. No caso da British Columbia, o mandarim é mais falado que o francês. Em Vancouver, é estimado que mais de 50% da polulação tenha nascido em outros países.

 

Captura de tela 2016-04-18 às 20.26.20.png

 

4. A moeda oficial do Canadá é o dólar Canadense. A moeda vale um pouco menos do que o Dólar Americano.

5. Muita gente acha que o sistema de Saúde é inteiramente gratuito no Canadá. A informação varia de província pra província. Há locais onde há uma cobertura maior e há lugares onde algumas especialidades não são cobertas (oftalmologista, nutricionista, dentista, etc). Em algumas províncias a pessoa só tem acesso ao plano de saúde público se tiver trabalhando, enquanto em lugares como British Columbia é preciso pagar uma mensalidade para ter acesso ao benefício. Ou seja, não é como o SUS – tanto no aspecto positivo como no negativo.

6. A diversidade cultural do Canadá é encantadora. O Canadense não tem um biotipo padrão, é uma terra de muita mistura étnica. Não pense que só verá pessoas com cabelo loiro e olhos azuis.

7. Os apartamentos canadenses geralmente possuem janelas bem maiores do que os nossos. A ideia é aproveitar ao máximo o sol, principalmente no inverno quando os dias duram muito pouco.

8. Não há uma culinária típica no Canadá. A famosa poutine é o que mais se aproxima de comida do país.Como muitos descendentes asiáticos moram no Canadá, há uma quantidade bem grande de comida típica oriental, mas a Poutine é a comida clássica de lá.wendys-poutine.jpg

 

9. Falando em comida, o Canadá tem seu próprio Starbucks – o nome é Tim Hortons.A rede foi fundada em 1964 e tem mais de 4.500 unidades no Canadá e nos EUA.tim-hortons-gift-cards

10. O Canadá tem uma qualidade de vida com índices invejáveis, sempre o colocando no topo das listas de melhores lugares para viver no mundo. Este ano o Fórum Econômico Mundial em Davos na Suíça classificou o Canadá na segunda posição do ranking de melhor país do mundo para viver.  A própria Suíça ficou no topo da lista.

11. A educação fundamental no Canadá é considerada uma das melhores do mundo e mais de 95% dos alunos de 6 a 18 anos estudam em escolas públicas. O ensino superior é pago, mas muitas bolsas são concedidas. Alunos que são canadenses (naturalizados também) têm um desconto de 50% ou mais nos valores das Universidades e Faculdades canadenses.Mesmo assim, é muito comum pessoas que terminam a High School (Ensino Médio) e optam por não ingressar na faculdade.

12. No entanto, para que as escolas públicas sejam tão boas e o atendimento de saúde seja praticamente ou de graça, os impostos são elevados. canadian-provincial-taxes_502914bc01c88.jpgComo diria um professor meu da Graduação “Não existe almoço grátis”.

 

 

13. Este item tem tudo a ver com os anteriores. Com uma distribuição de renda justa todos, muitos não vêem necessidade de cursar o ensino superior. É possível viver bem no Canadá sem ter um trabalho dos sonhos, sem viver para o trabalho. Abaixo mostro uma tabela com o salário mínimo canadense (fica em torno de $2mil mês)Captura de tela 2016-04-18 às 20.40.47

 

Muitos estrangeiros falam/criticam que o canadense não é ambicioso, não temdownloadgrandes sonhos de riqueza e o que ele realmente preza é a qualidade de vida. Quantos likes esses canadenses merecem, heim?

14. No último ano houve uma mudança muito importante na política canadense. O novo primeiro ministro Justin Trudeau, do partido Liberal, foi eleito depois de uma década de liderança do partido conservador. Trudeau assumiu pedindo desculpa aos nativos canadenses pelos anos de matança e desconsideração, instaurou em seus ministérios 50% de mulheres e 50% de homens, prometeu trabalhar para uma igualdade salarial entre mulheres e homens, autorizou a chegada de refugiados Sírios (e recebeu alguns pessoalmente). Estas são só algumas das medidas desse cara FODA que até os americanos andaram se manifestando pedindo que ele governasse os Estados Unidos também. Dá até orgulho de pensar em ter um líder político assim.Captura de tela 2016-04-18 às 20.56.02

15. O Canadá tem o maior litoral do mundo (202.080 km). Para terem noção, é quase 27 vezes maior que o Brasil (7.491 km). Claro que a maioria é puro gelo. Mas para os saudosos de praia, no Canadá há inúmeras que são excelentes para banho (preferencialmente no verão).

Por agora é só. Se gostarem, posso juntar mais dados para vocês.